• Claudia Godoy

Secretário de Energia dos EUA irá participar de fórum no Brasil

Com informações da embaixada dos EUA

O secretário de Energia dos Estados Unidos, Dan Brouillette, visitará o Rio de Janeiro de 1º a 3 de fevereiro para lançar oficialmente e realizar a primeira reunião ministerial do Fórum de Energia Brasil-Estados Unidos (USBEF), anunciado em março de 2019 pelos presidentes Donald Trump e Jair Bolsonaro durante reunião em Washington.

Dan Brouillette, visitará o Rio de Janeiro de 1º a 3 de fevereiro. Foto: embaixada dos Estados Unidos

O USBEF visa estreitar a cooperação energética entre Brasil e EUA no que tange a assuntos técnicos, regulatórios e políticos de interesse mútuo, bem como a desafios críticos para o comércio e investimentos bilaterais em energia. A reunião, que acontecerá na segunda-feira, dia 3, será presidida pelo secretário Brouillette e pelo ministro de Minas e Energia do Brasil, Bento Albuquerque. No mesmo dia, o secretário testemunhará, junto com o ministro Albuquerque, a assinatura de um Memorando de Entendimento que amplia a cooperação bilateral entre o Instituto de Energia Nuclear (NEI, na sigla em inglês) e a Associação Brasileira para Desenvolvimento de Atividades Nucleares (ABDAN). Também interagirá com representantes brasileiros e americanos do setor privado e da Câmara de Comércio Americana (AmCham) no Brasil. A agenda inclui, ainda, no domingo, 2, uma mesa-redonda com representantes da indústria de energia nuclear americana.

Biografia do secretário:

Dan Brouillette é o 15º secretário do Departamento de Energia dos Estados Unidos. Ele tem três décadas de experiência nos setores público e privado. Mais recentemente, foi secretário adjunto de Energia. O secretário Brouillette também atuou como vice-presidente sênior e chefe de políticas públicas para a USAA, líder americano no fornecimento de serviços financeiros para a comunidade militar. Antes de ingressar na USAA, Brouillette foi vice-presidente da Ford, onde gereneciou as equipes de políticas domésticas da montadora e atuou no Comitê Operacional Norte-Americano. Na Ford e na USAA, ele fez parte de equipes de executivos sêniores que auxiliaram a levar ao mercado tecnologias inovadoras, como de prevenção à colisão de automóveis e captura remota de depósitos, esta última uma tecnologia inventada pela USAA que permite o uso de dispositivos inteligentes para depositar fundos em contas bancárias. Antes dessa transição para o setor privado, o secretário Brouillette ocupou diversas posições no governo. Ele foi chefe de gabinete do Comitê de Energia e Comércio da Câmara de Deputados dos EUA, que tem ampla autoridade jurisdicional e de supervisão sobre cinco agências federais. Ele também atuou como secretário assistente de Energia para Relações Intergovernamentais e Congressionais de 2001 a 2003. Além disso, foi regulador federal de energia, servindo como membro do Conselho Estadual de Energia e Minerais da Louisiana de 2013 a 2016. O secretário Brouillette e sua esposa, Adrienne, são ambos veteranos do exército americano e estão casados há 28 anos. Eles são de San Antonio, no Texas, e têm nove filhos.

61 981755922

©2019 por BacuriNotícias. Orgulhosamente criado com Wix.com