• Claudia Godoy

Novo embaixador do Irã e Mourão expressam solidariedade para enfrentar pandemia


O embaixador do Irã, Hossein Gharibi, foi recebido, nesta terça-feira (5), pelo vice-presidente Hamilton Mourão. Eles expressaram solidariedade entre as duas nações no enfrentamento da pandemia de Covid-19 e planejaram trabalhar juntos na reparação da economia.

Gharibi entregou as cartas credenciais ao presidente Jair Bolsonaro há um mês.

Hossein Gharibi, Embaixador da República Islâmica do Irã

O presidente Jair Bolsonaro recebeu as cartas credenciais de sete embaixadores há cerca de um mês. As comitivas foram recebidas individualmente, e, Bolsonaro conversou rapidamente sobre assuntos de interesse dos países e deu as boas-vindas aos novos embaixadores.

Na cerimônia realizada na sala de audiência do Palácio do Planalto, estiveram os novos embaixadores:  da República Árabe do Egito; da República da Croácia, da República Italiana; da República de Honduras; da República da Polônia; da República Islâmica do Irã e dos Estados Unidos.

A carta credencial é uma carta formal enviada de um Chefe de Estado para outro, que formaliza o envio de um embaixador do país de origem ao país de acolhimento.

Os novos embaixadores foram:


Wael Ahmed Kamal Aboul Magd, Embaixador da República Árabe do Egito;

Ranko Vilovic, Embaixador da República da Croácia;

Francesco Azzarelo, Embaixador da República Italiana;

Jorge Alberto Mila Reyes, Embaixador da República de Honduras;

Jakub Tadeusz Skiba, Embaixador da República da Polônia;

Hossein Gharibi, Embaixador da República Islâmica do Irã;

Todd Crawford Chapman, Embaixador dos Estados Unidos da América.