• Claudia Godoy

Mais de um milhão de cubanos já receberam uma dose de suas candidatas à vacina

Atualizado: Mai 24

Por: Claudia Godoy

Mais de um milhão de cubanos já receberam ao menos uma dose das candidatas à vacina cubana, informaram, esta semana, as autoridades da Saúde Pública da ilha. A imunização começou a ser feita, há mais de uma semana, com grupos e áreas consideradas de risco, como pessoas com doenças crônicas e da Saúde. Cuba tem cerca de 11 milhões de habitantes.

Segundo Ileana Morales Suárez, diretora nacional de Ciência e Inovação Tecnológica do Ministério da Saúde, o desenvolvimento tecnológico de Cuba ocorre em função da revolução cubana.

"Porque temos um revolução e um modelo que apostou desde o início na saúde, na ciência e na inovação". Suárez destacou como um dos pilares essenciais para atingir os atuais resultados o cumprimentos de todas as etapas e fases necessárias para o desenvolvimento da vacina. "Prestamos muita atenção porque disso depende a robustez dos resultados alcançados", garantiu. Outro pilar apontado pela médica foi o componente ético, tema que suscita perguntas. “Constituímos comitês de ética centralizados adjuntos ao Ministério para dar o máximo rigor ao acompanhamento ético às pesquisas”, afirmou Suárez.

Ela afirmou, ainda, que em mais uma semana a maioria das províncias cubanas estarão perto de terminar a administração da primeira dose. "Havana tem dias em que o ritmo de vacinação tem chegado a 100%", informou Suárez. "Se contarmos todas as pessoas que receberam umas das candidatas à vacina em ensaios e estudos já temos 1.115 e 335 cubanos", garantiu.