• Claudia Godoy

Governo japonês investe US$ 2 trilhões na geração de empregos pós-pandemia

Atualizado: 1 de Set de 2020


"O governo japonês implementa ajuda de cerca de 230 trilhões de ienes (cerca de US$ 2 trilhões) para estimular os empregos", disse o embaixador do Japão, Akira Yamada, na última semana, em entrevista exclusiva ao portal Bacuri Notícias.


Yamada acrescentou que, além disso, os cidadãos japoneses recebem universalmente auxílio de 100 mil ienes ( US$ 949 dólares) durante a pandemia de Covid-19.


Para os empresários japoneses são destinados 2 milhões de ienes (cerca de US$ 18,9 mil). O setor de turismo estrangeiro foi o mais afetado no Japão, com quase 100% de queda. "Depois da pandemia, o governo quer atrair mais visitantes", disse o embaixador japonês.


O embaixador do Japão, Akira Yamada. Foto: Embaixada do Japão

"Agora enfrentamos muitas dificuldades, mas fazendo esforço para mudar, teremos uma sociedade mais sustentável. Ainda temos problemas, mas poderemos melhorar nossa estrutura energética", afirmou o embaixador japonês.


O governo japonês adotou medidas emergenciais durante a pandemia de Covid-19. Numa primeira fase recebem auxílio os empregos e os negócios. Já na segunda etapa foi a vez de estimular a demanda e as reformas sociais.


Yamada acredita que o Japão pós-pandemia terá uma preocupação extra com o meio ambiente. "Iremos implementar medidas para estimular o trabalho remoto", disse o embaixador. O embaixador japonês aposta, ainda, na cooperação com outros países, com o Brasil incluído, na recuperação da economia pós-pandemia. "Hoje vivemos momento difícil, mas com cooperação poderemos vencer essa fase difícil. O potencial do Brasil é muito grande", disse Yamada.




61 981755922

©2019 por BacuriNotícias. Orgulhosamente criado com Wix.com