• Claudia Godoy

Estremecidas as relações entre Rússia e República Tcheca

Por: Claudia Godoy com Infobae

As relações diplomáticas entre a República Tcheca e a Rússia estão estremecidas, segundo informou, esta semana, o site argentino Infobae. Isso porque, ainda segundo as informações argentinas, as embaixadas russas estariam sendo utilizadas para a espionagem na Europa. Dezenas de diplomatas das embaixadas russa e tcheca já foram expulsos numa troca, reciprocidade de ações, entre as duas nações. O site aponta explosões em depósitos de pólvora tcheco, guerra na Ucrânia e envenenamento entre as ações russas.

A polícia tcheca abriu investigação, mas apontou depoia que tudo parecia acidental. O primeiro-ministro da República Tcheca, Andrej Babis (foto), disse haver provas irrefutáveis sobre a participação de oficiais do serviço de inteligência russo na explosão do depósito de munição.

Segundo informações do governo tcheco, nos depósitos havia munição destinada à Ucrânia, que desde 2014 enfrenta uma insurreição armada promovida pela Rússia.


O Kremlim, sede do governo russo, nega todas as acusações e as classifica como infundadas. Considera as acusações da República Tcheca destrutivas para as relações entre Moscou e Praga.