• Claudia Godoy

Embaixada da República Tcheca lembra Revolução de Veludo

Com informações da Embaixada da República Tcheca

A Revolução de Veludo (17 de novembro a 29 de dezembro de 1989) refere-se à revolução pacífica na antiga Tchecoslováquia que testemunhou a deposição do governo comunista.

Na foto, o futuro presidente Václav Havel e manifestantes comemoram a luta pela liberdade e democracia no memorial em Praga durante a Revolução de Veludo de 1989.

Em 17 de novembro de 1989, a polícia reprimiu uma manifestação estudantil em Praga. Este evento desencadeou uma série de manifestações populares de 19 de novembro até o fim de dezembro. Até 20 de novembro, o número de manifestantes pacíficos em Praga passou de 200 mil a meio milhão de pessoas. No dia 10 de dezembro, o presidente Gustáv Husák apresentou o primeiro governo não-comunista na Tchecoslováquia desde 1948, e renunciou. Alexander Dubček foi eleito presidente do Parlamento Federal em 28 de dezembro e Václav Havel, escritor que estava à frente da revolução, tornou-se presidente da Tchecoslováquia em 29 de dezembro de 1989. Em junho de 1990, a Tchecoslováquia teve suas primeiras eleições democráticas desde 1946.


O termo "Revolução de Veludo" foi inventado por jornalistas para descrever os acontecimentos e aceito pela mídia mundial, sendo usado em seguida pela própria Tchecoslováquia.




Fonte: Wikipedia (pt.wikipedia.org/wiki/Revolução_de_Veludo)
Crédito foto: Irmojohnny (sob a licença: creativecommons.org/licenses/by-sa/3.0/deed.en)


61 981755922

©2019 por BacuriNotícias. Orgulhosamente criado com Wix.com