• Claudia Godoy

Brasília, 60 anos: embaixadores fazem homenagem à capital do Brasil

Atualizado: 20 de Mai de 2020


"60 mil candangos foram necessários para desbastar, cavar, estaquear, cortar, serrar, pregar, soldar, empurrar, cimentar, aplainar, polir, erguer as brancas empenas... - Ah, as empenas brancas! - - Como penas brancas... - Ah, as grandes estruturas! - Tão leves, tão puras..."

(Sinfonia da Alvorada. Música: Antonio Carlos Jobim/ Poesia: Vinicius de Moraes)


ra dia 21 de abril de 1960. O sol forte com o céu azul não poderiam aparecer em melhor hora. Juscelino Kubitschek, presidente do Brasil na época, inaugurava a cidade de Brasília, a nova capital do país. A história da Capital Federal, que completa 60 anos nesta semana, endossa as palavras de Vinícius de Moraes em Sinfonia da Alvorada.


De fato, "foi necessário muito mais que engenho, tenacidade e invenção" para construir Brasília.

Desde 1817 já se falava da interiorização da capital do Brasil.


Esboço do Plano Piloto, de Brasília.

Como capital do país, Brasília abriga as embaixadas sediadas no Brasil, que foram transferidas do Rio de Janeiro para a nova capital e trouxeram para cá, além dos diplomatas, também muitos de seus costumes, língua, arquitetura e gastronomia. Uma parcela dos embaixadores vive e trabalha dentro da representação diplomática. Eles permanecem pelo menos três anos na capital federal do Brasil.

O embaixador da Romênia, Stefan Mera, é um desses diplomatas. Ele está no Brasil em missão pela primeira vez. " Viver em Brasília é um privilégio. É estar ao mesmo tempo imerso no passado, no presente e no futuro do Brasil", disse Mera por ocasião do aniversário de 60 anos da capital do país.



embaixador da Romênia, Stefan Mera, na sede da representação diplomática, em Brasília.

A construção de Brasília foi simbólica para o Brasil, em muitos aspectos significou o desenvolvimento nacional e chancelou, de vez, a marca de um país que estava pronto para a modernidade.

Mesmo sendo uma cidade nova, o projeto da mudança da capital do Brasil para o interior já estava previsto na primeira Constituição Republicana, datada de 1891. O embaixador da Alemanha, Georg Witschel, agradece a cooperação e deseja sucesso e felicidade à capital do Brasil, que celebra 60 anos nesta semana.

embaixador da Alemanha, Georg Witschel, agradece a cooperação e deseja sucesso e felicidade à capital do Brasil, que celebra 60 anos.

governo de JK estava empenhado em mudar a imagem do país. A crescente industrialização e o desbravamento do interior desmontavam, aos poucos, uma economia essencialmente agrária, assentada na monocultura exportadora, e em arcaicos padrões de produção e de organização social. Para o embaixador da Sérvia, Veljko Lazic, o céu de Brasília é único no mundo. Ele também fez sua homenagem à cidade.

O

ko Lazic, destaca o céu de Brasília em homenagem aos 60 anos da capital brasileira, celebrados nesta terça-feira (21). "Céu único no mundo ", destacou o diplomata.


embaixador da Sérvia, Veljko Lazic, destaca o céu de Brasília em homenagem aos 60 anos da capital brasileira, celebrados nesta semana. "Céu único no mundo ", destacou o diplomata.

té então, os olhos dos brasileiros estavam voltados para o litoral, onde se localizavam as principais cidades. Mudar a capital para o interior também seria uma maneira de apaziguar os ânimos em momento de efervescência política, já que o Brasil interiorano ainda era, majoritariamente, desconhecido e pouco habitado. O embaixador da Hungria, Zoltán Szentgyorgyi, é outro diplomata em missão em Brasília. Ele ressalta a modernidade da cidade.


ara o embaixador húngaro, Zoltán Szentgyorgyi, Brasília é uma cidade vibrante que respira modernidade e que acolhe a embaixada da Hungria há quase 50 anos. "Brasília e Hungria estão cada vez mais próximas", disse o diplomata em sua homenagem aos 60 da capital brasileira.

menina dos olhos de JK ficou pronta em 1960, após um apertado cronograma de trabalho, e colocou um ponto final ao projeto que perdurava longos anos. Brasília foi quase que um poema da arquitetura moderna, isso porque o arquiteto Oscar Niemeyer e o urbanista Lúcio Costa fizeram questão de deixar os Três Poderes devidamente bem acomodados com tudo o que a modernidade da época previa. O embaixador da Bélgica, Patrick Hermann, prestou sua homenagem à capital do Brasil ao lado da pedra fundamental da representação diplomática, em Brasília.


anos de Brasília, o embaixador da Bélgica, Patrick Hermann, gravou vídeo ao lado da primeira pedra da embaixada belga, que foi inaugurada antes mesmo da fundação da capital do Brasil, semanas depois. "São 60 anos de cooperação, amizade, trabalho", disse Hermann.

No

ção de Brasília ocorreu também a instalação dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário. Os mais de mil quilômetros de distância do Rio de Janeiro deixavam claro que os destinos da política e do Poder Judiciário eram outros. Milhares de funcionários públicos, autarquias e empresas foram transferidas para o novo centro do poder.


onstrução da capital federal: de fato, "foi necessário muito mais que engenho, tenacidade e invenção" para construir Brasília.

K, claro, estava presente no Palácio do Congresso para a inauguração. O então presidente declarou que, sob a proteção de Deus, dava por inaugurada a cidade de Brasília, agora capital do Brasil.)

"Cabe-me, neste momento, a honra excepcional de inaugurar a sede do Supremo Tribunal Federal na nova capital da República dos Estados Unidos do Brasil. Honra que sobremodo me distingue, como magistrado e como brasileiro."

As palavras são de Barros Barreto, então presidente da Suprema Corte brasileira no dia da sessão solene de inauguração da sede do STF na capital Federal, às 9h30 do dia 21 de abril de 1960. Devidamente togados, os outros ministros da época discursaram sobre o simbolismo do começo de uma nova era com a mudança da sede do STF para Brasília. O embaixador da Eslováquia, Milan Zachar, destaca a capital do Brasil como "estilosa e sedutora" na semana de aniversário de Brasília.


embaixador da Eslováquia, Milan Zachar, faz sua homenagem aos 60 anos de Brasília. Para ele, uma capital estilosa e sedutora.

transferência da sede para a nova capital Federal também foi ressaltada pelo ministro Nelson Hungria. "Talvez a nossa Justiça seja ainda mais caprichada em qualidade do que aquela que distribuíamos na velha Capital. Aqui estaremos no eixo geográfico do Brasil e poderemos, por isso mesmo, realizar, na frase de Rui Barbosa, o ideal de Justiça como eixo do regime democrático-liberal que nos dirige".

Entretanto, mesmo inaugurada em abril, os ministros só estreariam a nova casa meses depois, no dia 15 de junho, quando foi feita a total instalação do Supremo. Enquanto isso, os prazos processuais foram suspensos.

O embaixador do Equador, Diego Ribadeneira, também cumpre missão diplomática em Brasília. Para Ribadeneira a capital do Brasil é sinônimo de paz e interação.


embaixador do Equador, Diego Ribadeneira, faz sua homenagem aos 60 anos de Brasília, a capital do Brasil. "Brasília é sinônimo de paz e interação" , ressaltou o diplomata.

estes 58 anos, Brasília computou uma população com mais de 3 milhões de habitantes, fazendo parte da 3ª região mais populosa do país. O embaixador dos Estados Unidos, Todd Chapman, acaba de entregar as cartas credenciais ao presidente Jair Bolsonaro. Ele disse estar contente por fazer parte da história brasileira.


embaixador dos Estados Unidos, Todd Chapman, parabeniza Brasília.

projeto de Lúcio Costa foi exitoso: ao mesmo tempo em que se encontra uma cidade monumental, símbolo do progresso e modernidade para o país, Brasília também é uma cidade habitacional.

É dessa cidade feita sob medida que saem os Nortes do país.